Home Office. Estamos voltando pra casa outra vez!



Essa modalidade é o reflexo de uma era marcada pela interatividade e pela rapidez da informação. Primeiro era vertigem em 2020, seriam algumas semanas de quarentena trabalhando de casa e depois todos voltaríamos aos escritórios normalmente. Mas não rolou como a maioria pensava. É ou não é verdade?!?!

Não adiantava fechar os olhos, era real! Não deixar o corpo ir, tivemos que diminuir o ritmo. Sim! Porque estávamos em meio a uma adaptação de um cenário incerto. Sejamos sinceros, até hoje estamos nos adaptando a tudo isso.

Novamente estamos diante de medidas de distanciamento social, talvez com procedimentos mais severos que o ano passado. Então, vamos de home office novamente. Vamos diminuir o ritmo!

O aumento dos números de casos em vários estados brasileiros é lastimável! Com isso, existe uma chance muito grande de que as empresas que não retornaram ao escritório permaneçam com o trabalho remoto e mesmo as que retornaram poderão dar um passo atrás e retornar ao home office. Inevitável!

O trabalho 100% presencial não voltará tão cedo! Vamos nos atentar a dois fatores: preservar a saúde dos colaboradores e tentar manter a produtividade em dia. Algo que o home office já provou que consegue fazer com sucesso. Mas claro, é preciso seguir com medidas que ajudem os times a terem planejamento e principalmente, organização.

Um levantamento realizado pelo Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) aponta que 22,7% das profissões no Brasil podem adotar o home office, alcançando mais de 20,8 milhões de profissionais.

Não retornaremos 100% às empresas tão cedo, isso é um fato! Algumas companhias famosas como Google e Facebook já anunciaram que o home office vai até o final deste ano. E cá entre nós, creio que muitas empresas adotarão de forma perpétua esse modelo.

Para alguns profissionais de recursos humanos a mudança em 2020 foi repentina, mas acelerou um movimento que já seria realidade. O home office contribui para uma melhor qualidade de vida dos funcionários, benefícios como a redução de tempo e gastos com o deslocamento, horários mais flexíveis, possibilidade de passar mais tempo com a família e seguir hábitos alimentares mais saudáveis. Permite que os profissionais tenham residência onde quiserem, de acordo com o estilo de vida que procuram.

Esse modelo de trabalho pode ser vantajoso para os profissionais, pois amplia as oportunidades de carreira sem comprometer o desempenho. Já para as empresas, é uma grande vantagem ter a possibilidade de atrair talentos do mundo todo. Muitas funções já não são necessárias a presença física do colaborador. Permite que os profissionais tenham residência onde quiserem, de acordo com o estilo de vida que procuram. Isso é muito interessante! Alguns prós e contras do trabalho home office.

VANTAGENS

  • Economia: com transporte e alimentação.

  • Autonomia: gerenciar os seus horários.

  • Liberdade: trabalhar “como quiser” desde que entregue os resultados.

  • Proximidade: economia tempo no trânsito casa x escritório.

DESVANTAGENS

  • Distrações: Animais de estimação, visitas, telefonemas sem relação com o trabalho, familiares, entre outras coisas que podem atrapalhar a concentração e produtividade.

  • Interatividade: existem profissionais que precisam estar em um ambiente que permita interação e integração com outros.

  • Carga de trabalho: É comum o funcionário home office acreditar que vai ter tempo de realizar todas as tarefas e por isso não estipula horários de descanso.

O RADAR preparou algumas dicas para você trabalhar home office.

  1. Ambiente adequado: procure cômodos da sua casa que sejam aptos para você exercer a sua atividade. Pense na ergonomia e disposição dos móveis, invista também em uma cadeira confortável.

  2. Sem distrações: após definir onde será o seu local de trabalho, garanta que ele seja livre de distrações. Tenha um espaço que você possa focar nas suas tarefas sem ser interrompido por familiares ou animais de estimação.

  3. Local silencioso: é muito difícil manter a produtividade e a concentração se o seu ambiente de trabalho não for propício para você manter o foco.

  4. Iluminação do ambiente: é imprescindível ter uma iluminação coerente com as atividades que você precisa executar.

  5. Conexão de internet estável: tenha um plano de internet consideravelmente rápida e estável. A internet é o motor que move várias profissões atualmente, ela é um dos fatores que permitem a difusão do Home Office.

  6. Planejamento: seu dia de trabalho em casa pode ser altamente produtivo e render muito mais se você fizer um planejamento de suas tarefas diárias.

  7. Rotina de horários e organização: estipule uma rotina de horários e mantenha os papéis e documentos guardados em ordem. A organização entre o que é horário de trabalho, intervalo, e de documentos e planilhas evita problemas e melhora o seu rendimento.

  8. Intervalos periódicos: é recomendado fazer intervalos regulares durante o seu trabalho de casa. O ideal é que, a cada 1 ou 2 horas de dedicação, você faça uma pausa de 5 a 15 minutos.

Essa modalidade é o reflexo de uma era marcada pela interatividade e pela rapidez da informação. Com as facilidades proporcionadas pelas ferramentas web, a ideia de que o trabalho pode ser realizado em um só lugar cai por terra.

Está pronto para começar a trabalhar remoto agora mesmo? Bom, é isso aí, mantenha seu RADAR sempre ligado. Qualquer dúvida ou esclarecimento deixe seu comentário, será uma satisfação poder ajudar você. Forte abraço!


#radarfolhavitoria

0 views0 comments

Recent Posts

See All
marca_bis_cor_horizontal.png